quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

MEU LOOK: FLARE DE ONCINHA

Sou daquelas bem peruas,
que não resistem a uma peça de oncinha.
O problema agora é segurar a vontade de
 usar essa flare o tempo inteiro.
Combinei a flare com blusa rosa pastel,
(estou achando lindo oncinha com cores 'apasteladas')
e uma pitada de turquesa na fivela do cinto.
Fui assim... 

 Blusa Farm | Calça Riachuelo | Sandálias e bolsa Marisa

DECOR| MESMA LOUÇA: TRÊS MESAS DIFERENTES

Uma mesa bem produzida é um carinho a mais pra qualquer refeição. Ela fala assim: "Vocês, que convidei pra comer aqui em casa, são muito muito importantes pra mim". Sinto isso sempre que estou diante de uma mesa arrumada e cheia de detalhes. Sinto carinho! E não precisa ter mil jogos de louça pra fazer mesas diferentes e cheias de estilo. Variando acessórios, você consegue mudar o humor da sua louça bem facinho. A pedido da Casa de Paetê, a loja FigueHome (IG @figuehome), especializada em decoração, preparou três mesas de café da manhã com a mesma louça, mas com mood bem diferente, só trocando os acessórios. Veja só: Café da manhã divertido: Nessa opção, a louça branca com borda azul e detalhes dourados ganhou sousplat com estampa de abacaxi, o que já deixou o clima bem divertido. A FigueHome combinou com guardanapos verdes e porta guardanapo de um material que lembra vime. Deu um clima descontraído, com cara de praia. Bem divertido! Café da manhã clássico: Aqui, o jogo americano é de tecido e tem uma estampa de poá, bem discreta. A cor do guardanapo combina com o prato e o porta guardanapo de metal fecha o clima mais clássico. Repare na decoração, com garrafas azuis ornando com toda a produção. E uma plantinha na mesa deixa tudo mais cheio de carinho. Café da manhã romântico: Já nesta opção, os tons rosados e de vermelho, combinados ao porta guardanapo de flor, deixam um clima de romance no ar, né?! Repare na estampa da almofada, de listras, ornando com os tons de cores do sousplat. Ainda mais charme para a produção. Três boas ideias pra fazer aquela surpresa pro namorado, né?!

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

TV DA CASA: COMO FOI A MINHA TRANSIÇÃO CAPILAR

Em Julho de 2013, decidi parar de usar química de alisamento no cabelo, depois de mais de 15 anos fazendo esse tipo de procedimento. Um ano e meio depois, o meu cabelo está totalmente natural e saudável e eu não poderia estar mais feliz. É engraçado, mas, a maior mudança que fiz no meu cabelo foi experimentar não mudar nada. E eu estou amando a liberdade de ser eu mesma. Na nova edição da TV da Casa, eu conto como foi o meu processo de transição capilar. Vem ver!