14 abril 2015

MEU LOOK: MADRINHA - ALUGUEI MEU VESTIDO ONLINE

Aluguei meu vestido de madrinha online!!! Quando ler esta frase, sinta todo o meu entusiasmo, porque deu tudo muito certo e eu preciso contar essa experiência por aqui. Fui convidada pra ser madrinha de casamento de uma amiga muito especial. Amo casamento! Fico toda boba com o climinha de celebração do amor. E, claro, para testemunhar um momento tão especial, todo mundo quer estar produzido a altura. Daí surge um probleminha: como faz pra achar "O" vestido perfeito? Não consigo me encontrar nessas lojas mais tradicionais de aluguel. Ultimamente TODO vestido de festa tem TELA?! É isso mesmo? Muito chato. Queria um vestido sem tela, sem bordado, sem brilho, sem canutilho. Só um corte incrível, um tecido maravilhoso e um caimento perfeito. Era o que eu precisava. Falo assim como se fosse fácil encontrar tudo isso junto, né? Foi aí que pesquisando, pesquisando, pesquisando, cheguei a uma marca que chama Pynablu. A marca da estilista Antonela Frugiuele tem a seguinte descrição no site: "reflete uma mulher em busca de frescor e novidade, em busca de algo que seja fora do convencional, algo intrigante para acrescentar a suas características." Essa sou eu, gente! :P Estava prestes a fazer uma comprinha online de um vestido da marca. Sofrida, olhando o cartão de crédito, com um desejo no coração e uma lágrima no olho. É que o preço não era de Deus e, certamente, eu usaria esse vestido no casamento da minha amiga e NUNCA MAIS! Pensando nisso, resolvi dar uma pesquisada na #hashtag Pynablu no Instagram. Eta ideia boa! Foi aí que achei a @renttowear (veja o site aqui), uma loja de aluguel de vestidos de grandes estilistas online. Não era que a loja tinha o bendito vestido?! Fui pesquisar sobre a loja e lembrei que já tinha lido sobre as gurias (elas são lá do RS) numa revista de moda. Ou seja, pelo jeito, dava pra confiar! Correndo o risco

Resolvi arriscar. Eu digo arriscar porque: como alugar um vestido que você não provou? As meninas colocam todas as medidas da peça e dão dicas de como conferir se as medidas batem com o seu corpo. Tirei minhas medidas umas 50 vezes, senti que ia dar certo, fechei o negócio. Mas com um tantinho de insegurança, porque se o vestido não servisse, era prejuízo total! O casamento foi no dia 11. Combinei para o vestido chegar no dia 8, para que, caso alguma coisa não saísse bem, ter tempo de pedir uma troca. O vestido chegou adiantado, no dia 6, e ficou PER-FEI-TO. Santas medidas! E aí foi só curtir o lindão. Amei, amei, amei. Ele já foi pros Correios, de volta pro Sul, mas estará sempre no meu coração. Ahahahhahahah! E você, arriscaria?

2 comentários:

  1. Uau!
    Depois deste post, só tenho a dizer que estou boquiaberta!
    Mentira, tenho que falar outras coisas também kkk
    Primeiro que este vestido é divino, e é a mais pura verdade que roupa que usa em casamento, principalmente como madrinha, praticamente só usa uma vez!
    E já favoritei o site aqui, para quando precisar já saber onde recorrer! <3
    Como já te disse, você arrasou na produção.

    Beijos,
    Ana Almeida.
    http://blogqde.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Quero saber o que você achou deste post. Sua opinião é importante!