22 outubro 2013

Entrevista: Renaldo Aragão e seu Clinic Cut

Um projeto de criação de moda com DNA sergipano: a Clinic Cut fez sua primeira apresentação no último dia 17, no evento Cenographia – um talk show com a presença de Camila Coutinho, blogueira do Garotas Estúpidas, realizado pelo blog DR junto com a WME em Aracaju. Aqui de Bagé, acompanhei o evento pelas redes sociais, o que fez minha curiosidade pela Clinic Cut ficar tamanho giga. Cheguei a Renaldo Aragão, idealizador do projeto, que pretende trazer peças minimalistas, versáteis e elegantes. Sergipano, ainda cedo se mandou pra Europa. Em Portugal, chegou a formar-se em Medicina Dentária (e adquiriu um sotaque divertido que mistura português de portugal com “sergipanês”), mas foi do bichinho da moda a mordida mais forte nesse profissional, que começou seus estudos na área no Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil (CITEX), na cidade do Porto/Portugal, onde fez o curso de Visual Merchandising em Moda e Vitrinismo, seguido de um curso de Personal Stylist. Paixão instalada, ele acabou no Central Saint Martins College of Art and Design (Londres), de onde saiu licenciado em Design e Marketing de Moda. Em um bate-papo na Casa de Paetê, ele falou da sua experiência com moda, de como decidiu mergulhar de cabeça nesse mundo (das dores e delícias dessa decisão) e deu detalhes da Clinic Cut.

1 capa renaldo

No Cenograph!a
“Como o evento permitia apenas a apresentação de cinco looks, uma vez que não tinha como proposta um desfile de coleção, mas sim um talk show com a blogueira Camila Coutinho, decidi apresentar no evento o estilo que define o meu trabalho: minimalismo, versatilidade e elegância. Assim sendo, preparei para o evento aquilo que acredito definir o meu senso estético na moda, através da apresentação de looks versáteis, minimalistas, porém elegantes, que permitam a mulher deslocar-se por vários ambientes. Looks que funcionarão em qualquer altura do dia e na interação com qualquer tipo de público. Prezando sempre pela feminilidade e elegância da mulher. Destaca-se aqui o uso dos acessórios, cabelo e maquiagem, pois acredito que esses looks tornam-se versáteis exatamente ao serem complementados com os acessórios certos para cada momento.”

entrevista renaldo aragão - cit 4

Fazendo moda em Aracaju
"O feedback que tive foi positivo. Acho que o público presente gostou daquilo que levei para o Cenografia, pois acredito que o simples/sofisticado que apresentei trouxe algo de novo, uma influência europeia nos looks, o que reflete influências de minha formação. E o mais importante, looks atemporais. Pelo menos recebi elogios, seja no evento, seja por redes sociais. A minha expectativa é poder contribuir com o panorama da moda na cidade, uma vez que acredito ser fundamental o trabalho criativo para que a moda ganhe uma identidade na cidade de Aracaju e Estado de Sergipe frente ao cenário nacional. Espero que a cidade dê espaço aos criadores de moda, pois sem criação é impossível avançarmos. Em poucas palavras, serei muito feliz se conseguir fazer moda em minha terra natal e contribuir com o setor na cidade de Aracaju e Estado de Sergipe."

1 peplum pink

Pela Europa
"Sou aracajuano, mas muito cedo decidi viver em terras europeias. Mudei-me para Portugal onde licenciei-me em Medicina Dentária. Entretanto, o mundo da moda sempre me fascinou e teve influência sobre mim. Estando na Europa, com imensas escolas e centros de formação na área, decidi investir em formação nesse mundo tão complexo e fascinante. Comecei meus estudos na área de moda no Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil (CITEX – na cidade do Porto/Portugal) onde fiz o curso de visual merchandising em moda e vitrinismo, seguido de um curso de personal stylist e, finalmente, decidi ir mais além e iniciei meus estudos na Central Saint Martins College of Art and Design (Londres), onde me licenciei em Design e Marketing de Moda."

entrevista renaldo aragão - cit 1

Projeto Clinic Cut
"Depois de quase onze anos na Europa, voltei a Aracaju e decidi criar o projeto Clinic Cut Designs, que pretende contribuir positivamente com a construção de uma identidade de moda em Aracaju. Com uma proposta inovadora, pretendemos ser uma referência em bom gosto, fornecendo informações sobre moda, consultoria de imagem, além de coleções de peças de vestuário e acessórios de moda aos nossos clientes, afinal a Clinic Cut assume o papel de ateliê de moda e gabinete de imagem. Num espaço mais que agradável, acolhedor e moderno, a ideia é fazer o cliente sentir-se longe da confusão dos grandes centros comerciais.entrevista renaldo aragão - cit 3

O projeto físico do espaço Clinic Cut Designs tem como objetivo principal permitir que os seus clientes articulem-se de forma harmoniosa e espontânea com as várias áreas do ateliê. E isso sugere a descoberta, quer do espaço, quer dos produtos numa tranquilidade desejável. A visita de cada cliente é feita por agendamento, o que garante o ambiente calmo pretendido. Por fim, pretendo trazer através da Clinic Cut um pouco da minha influência europeia nas peças de roupas, sempre tendo como referência um minimalismo elegante e versátil."

2 total white

Dores e delícias
do mercado da moda
"Foi uma decisão difícil sim e cada dia é uma batalha a ser vencida, afinal esse mundo, apesar de muito fascinante, é extremamente difícil, desgastante e desafiador. É um mundo incerto e é suposto agradar as pessoas, logo estamos sempre a ser julgados. Para lidar com isso o tempo inteiro é preciso aguentar a pressão. A pressão da incerteza, da instabilidade e da competitividade é a maior dor que temos que gerir quando decidimos trabalhar com moda, principalmente no ramo da criação como design de moda.

entrevista renaldo aragão - cit 2

Por outro lado, o mais delicioso dessa profissão é observar pessoas a desejarem vestir uma peça sua, arrancar suspiros e elogios de um trabalho desenvolvido. Ou seja, o reconhecimento. O lidar com a construção e desconstrução, o recriar dezenas de vezes uma ideia e vê-la ganhar vida através da execução de uma peça de vestuário. Tornar-se uma referência de bom gosto é algo muito agradável no ramo. Conseguir fazer algumas pessoas expressarem suas personalidades com nossas criações é algo delicioso e muito gratificante."

3 verde menta

Dica de profissa
"Para aqueles que querem fazer parte do mundo da moda de forma profissional, invistam em formação. É indispensável formação para falarmos de moda com propriedade e não deixarmos que a moda seja confundida com algo apenas fútil. A moda é algo muito sério, complexo e que exige muito trabalho e estudo contínuo. Outra coisa que gostaria de acrescentar é que a moda não nos fornece regras e ditaduras, mas sim dicas.

4 vestido estampa

Dicas que quando bem usadas ajudam as pessoas a se aceitarem e encontrarem o seu estilo (reflexo da personalidade de cada um). Portanto, não estejam presas aos manuais de moda que impõem regras de fora para dentro, tentem encontrar o meio-termo, vendo as dicas de moda como ferramentas de construção do próprio estilo, que deverá funcionar de dentro para fora. E para que isso funcione bem e em harmonia é preciso aceitação daquilo que cada um de nós somos como seres humanos."

6 vestido vermelho

papinho rapidex

Entrevista por Márcia Pacheco
Fotos: Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário

Quero saber o que você achou deste post. Sua opinião é importante!