05 setembro 2011

Contrastes

Dia desses tive aula no Empório Casa, loja de decoração aqui de Aracaju. Por lá está rolando uma mostra de quartos (da marca Q&E, novidade da loja) e tive a oportunidade de clicar mais alguns ambientes para mostrar por aqui. Lembram que já fizemos um post sobre o ambiente de Ítalo Leal, né?! Na mostra, tem um quarto para um casal cool, apaixonado por arte e de personalidades bem diferentes. Em cada detalhe do ambiente, um contraste surge. O projeto é de Gilvan Acciolli {arquiteto sergipano que admiro muito} e é um dos que mais me chamaram a atenção. 


Para perceber o primeiro contraste, basta o primeiro olhar. O ambiente de Gilvan Acciolli para a mostra do Empório Casa mistura clássico e contemporâneo. Os toques clássicos ficam com as cores escolhidas, claras em quase todo o ambiente, no formato do papel de parede, no estilo da mesa de apoio. E o contraste contemporâneo vem na estampa escolhida para a poltrona do quarto, que rouba a cena em tons de turquesa e alaranjado – cores em alta no momento, tanto na moda quanto no decor. “A ideia era tornar a poltrona o chamariz do ambiente”, conta Gilvan.

Outro ponto forte do ambiente é a utilização de obras de arte, para as quais o arquiteto quis voltar todas as atenções. Elas também revelam contrastes.



Nas xilogravuras da artista plástica sergipana Ana Denise, se percebe mais uma vez um contraste. "A proposta foi trabalhar nas obras de artes o sagrado e o profano, o amor e o sexo", diz o arquiteto. Uma xilogravura representa o Divino; a outra, uma imagem do Kama Sutra.



O quarto também ganha fotografias de Júnior Beira Mar e de Ricardo Teixeira, ambas ressaltando a sensualidade: Ricardo Teixeira, com um nu artístico masculino; e Júnior Beira Mar, com o movimento e a delicadeza feminina. (Foto de Rogério Maranhão)

 A tela contemporânea de Fábio Sampaio, retrata o amor em forma de corações espetados. Uma alusão da dualidade, assim como o amor acalenta, conforta e faz feliz, também machuca.

Fotos 1,2,3 e 5: @marcinhapacheco
Foto 4: Rogério Maranhão
Texto: @marcinhapacheco

1 comentários:

Quero saber o que você achou deste post. Sua opinião é importante!